Eu, Isabel

A Isabel nasceu a 8 de maio de 1986 e é natural de Santa Maria de Lamas. Licenciou-se em Ciências da Comunicação, pela Universidade Nova de Lisboa, e fez uma pós-graduação em Cinema e Televisão pela Universidade Católica. Fez um curso de Rádio e Televisão no Cenjor e foi o seu trabalho como jornalista e produtora de conteúdos na Panavídeo que a levou para a televisão, em 2011. Durante 10 anos apresentou programas de entretenimento e, de forma intuitiva e natural, percebeu que aquilo que a move é a criação de conteúdos que inspirem, motivem e levem os outros a agir. Tem uma paixão enorme por comunicar e tudo o que comunica está intimamente ligado a uma vida natural carregada de energia, alegria e simplicidade.

É autora dos livros “O Meu Plano do Bem”, “A Comida que me Faz Brilhar”, “Eu sei como ser Feliz” e da coleção de livros infantis “Vamos fazer o Bem”.

Descobriu a paixão pela corrida em 2015, em particular pela distância da Maratona – 42.195m. Tem o desejo de completar a “World Marathon Majors” que inclui as 6 maiores Maratonas do Mundo. Já correu Londres, Boston, Nova Iorque e Berlim.

Esta vontade de gerar um impacto positivo nos outros levou-a a criar novas áreas de negócio, como um ginásio de eletroestimulação – o Efit Isabel Silva – uma marca de snacks saudáveis, a IncríBel e a VOA.

A 14 de Dezembro de 2016 lançou o blogue Iam Isabel e que hoje, numa versão mais madura, mas igualmente alegre e enérgica, é o canal DoBem.

Estou de corpo e alma. Porque só assim consigo produzir conteúdos de forma autêntica e inspiradora.
É por isto que eu vim a este mundo: para ativar de forma permanente o meu chakra da comunicação e gerar um impacto positivo nos que me rodeiam.

A felicidade conquista-se com a prática diária de pequenos hábitos que nos devem nutrir e inspirar. Esses hábitos são tão poderosos que nunca vou querer abdicar deles. As nossas conversas vão andar sempre à volta disto.

O meu  roteiro de 5 dias nos Açores: a profunda comunhão com a Natureza e comunidades locais

“Férias” é, possivelmente, a palavra que deixa mais feliz a minha saúde mental! Uma coisas são as pausas diárias onde privilegiamos os momentos que nos nutrem, outra completamente diferente são as férias de pelo menos 10 dias que te permitem desligar de tudo o que é a nossa rotina e ir à procura de inspiração. […]