BARF, a comida crua para cães e gatos

A dieta BARF não tem cereais, corantes, conservantes, ou quaisquer ingredientes artificiais … tudo é natural.
Do BemDo Bem
Leia este artigo em: 3 mins
16.07.2022

A Mentora Isabel Silva já conhece e é fã – não fosse o seu Caju um fã incondicional da sua paparoca. E foi por esse motivo que ela foi sorrateiramente até à cozinha do nosso parceiro Dogs’ Wish e foi aprender tudo sobre a dieta BARF!

A Dieta BARF – Biologically Appropriate Raw Food – é um tipo de alimentação natural, para cães e gatos, que tem vindo a ser cada vez mais conhecida pelos seus resultados positivos no que diz respeito à saúde dos nossos animais. Na sua composição, conta com carne crua, vísceras, frutas, legumes e ovos – indo ao encontro das necessidades biológicas dos nossos “colegas de casa” de quatro patas.

BARF – COMO TUDO COMEÇOU

A BARF – uma filosofia de nutrição animal – foi criada por um veterinário australiano no início dos anos 90. Ao que parece, não foi só para ele que fez sentido que, não só os cães, mas todos os animais devem ter uma dieta natural, saudável e biologicamente apropriada – uma vez este conceito foi crescendo, globalizando-se e começando a ser conhecido e apreciado tanto por donos, como pelos seus animais.

Em verdade, nenhum animal está adaptado a uma alimentação processada, cozinhada e repleta de aditivos.

Desta forma, dieta BARF propõe uma alimentação sem cereais, corantes, conservantes, ou quaisquer ingredientes artificiais … apenas ingredientes naturais, pretendendo-se recriar a dieta dos antepassados do cão, que era composta, essencialmente, por presas herbívoras.

Pela Dogs’ Wish, a BARF tem como ingredientes principais carne e osso de diferentes espécies conjugados com vegetais e frutas, os quais simulam o conteúdo do estômago das presas. Tem ainda uns extras, de forma a enriquecer e equilibrar nutricionalmente as propostas alimentares.

Benefícios da BARF:

  • Melhor digestão;
  • Reforça o sistema imunitário (maior resistência à doença, a parasitas e infecções bacterianas);
  • Pele e pêlo saudáveis – é o fim das comichões;
  • Dentes mais limpos, brilhantes e sem tártaro;
  • Gengivas mais saudáveis e hálito fresco;
  • Fezes em menor quantidade e com menos cheiro;
  • Aumento da energia e vitalidade;
  • Elimina o “cheiro a cão”;
  • Menos problemas reprodutivos;
  • Ajuda no crescimento, permitindo o desenvolvimento correcto do esqueleto;
  • Menor tendência para doenças degenerativas.

Podemos fazer BARF em casa?

Sim – como vimos na reportagem, a BARF usa ingredientes mais “puros” aos quais temos fácil acesso. Contudo, caso queiram fazer esta comida em casa, deve haver o apoio de um veterinário que irá determinar as quantidades certas de cada um dos ingredientes, mediante o histórico de saúde, peso e estilo de vida do animal.

No caso de quererem encomendar as vossas embalagens de BARF, nada como espreitarem o website do nosso parceiro e perceberem como o podem fazer!

Pela Dogs’ Wish, quer acabar-se com o mito que diz que alimentar um cão/gato é uma coisa muito complicada e cara. É até bastante simples… basta imitar a natureza. E ela, naturalmente, sabe o que faz!