plástico

Sustentabilidade

Lidl vai recolher toneladas de plástico nas praias para transformar em mobiliário

Da próxima vez que for à praia, o lixo que levar consigo deverá ser posto nos novos contentores espalhados por 15 praias do País.

Até ao final de agosto, são 15 as praias de norte a sul do País que vão contar com um ecoponto TransforMAR do Lidl que quer consciencializar para a boa conduta ambiental. Como? Através da recuperação, reutilização, reciclagem e redução de plástico que geralmente é deixado na areia e cujo destino é, quase sempre, o mar.

Por isso, o nome escolhido para a iniciativa não vem ao acaso. É que só no verão de 2019, o Lidl conseguiu recolher 180 mil unidades de plástico — um número que fica ainda mais surpreendente se lhe atribuirmos o peso de 2.6 toneladas de desperdício.

Mas todo esse lixo teve um destino: a reutilização e transformação em vários artigos de mobiliário que depois puderam ser postos à venda no mercado. Isto significa que da próxima vez que for à praia, todo o plástico que levar deverá também sair consigo.

Todo o lixo plástico deverá ser deixado neste contentor especial que, além da mensagem de consciencialização para uma boa prática ambiental, vai ainda explicar a nova sinalética dos semáforos postos junto às praias para que a lotação seja facilmente identificada em contexto de pandemia.

A iniciativa pioneira decorre de uma parceria entre o Lidl Portugal e a Electrão que, além disso, se junta ainda a outras associações como a Associação Bandeira Azul da Europa, a Quercus, a Zero, e a Agência Portuguesa do Ambiente.

Pelo segundo ano consecutivo, a iniciativa vai ter o apoio institucional do Ministério do Ambiente e da Ação Climática que considera que o projeto está “alinhado com os objetivos e prioridades em matéria do uso sustentável do plástico e com os compromissos assumidos a nível nacional”, lê-se na página de apresentação da iniciativa.

As praias onde estes contentores TransforMAR vão estar disponíveis são a praia de Matosinhos, a da Frente Azul, em Espinho, a da Gamboa, em Peniche, a de Santo Amaro de Oeiras e a de Armação de Pêra, em Sines. Mas não são as únicas.

A lista completa de praias aderentes pode ser consultada no site oficial de apresentação da iniciativa ao público.