protetores solares ecológicos

Shopping

15 protetores solares ecológicos que protegem o corpo — e os oceanos

Manter a pele saudável deve ser uma prioridade durante as férias, mas há que saber escolher os produtos certos para o fazer. Conheça os protetores em que deve apostar.

DOBEM.
leia este artigo em: 4 mins

Os próximos meses avizinham-se quentes, e durante os dias de maior calor a única forma de estar confortáveis é dentro de água. Seja na praia ou na piscina, há alguns essenciais que todos sabemos que não podemos deixar em casa. Roupa de banho, chinelos, chapéu para proteger o couro cabeludo, toalha, snacks e, claro, protetores solares e, de preferência, ecológicos.

Durante muito tempo escolher um protetor solar não implicava grande ciência. Afinal, o objetivo era não sairmos da praia com uma cor semelhante à de uma lagosta que, além de dolorosa, acabava por fazer a pele escamar alguns dias depois. Hoje em dia, mais do que pensar no fator de proteção que aplicamos na pele — e já sabemos que talvez não seja mesmo necessário optar por um fator de proteção solar acima de 100 —, devemos também pensar, cada vez mais, no impacto ambiental dos protetores solares que escolhemos.

Um estudo da Deloitte concluiu que os jovens, especialmente os que fazem parte das gerações millenial e Z, estão cada vez mais preocupados com o meio ambiente e acreditam que ainda é possível reverter os anos das últimas décadas. E são estes mesmos jovens que olham para os rótulos e são capazes de identificar termos como a oxibenzona, as nanoparticulas ou a cânfora, que são dos mais prejudiciais para a vida marinha.

Atualmente, são cada vez mais as marcas que procuram ir ao encontro destas constante procura por fórmulas mais limpas e sem ingredientes nocivos para os oceanos. A La Roche-Posay, por exemplo, lançou este ano um protetor solar da gama Anthelios que, além de integrar cartão na sua embalagem, contém na sua fórmula a Tecnologia Netlock, que combina uma proteção solar ultra elevada e ultra resistente com filtros solares que respeitam o meio ambiente marinho. 

Também a Avène juntou este ano à sua gama, já toda ela desenvolvida a pensar no bem-estar dos oceanos, novos protetores solares ecológicos. Entre eles o Intense Protect com fator de proteção 50+. Este protetor solar contém o novo filtro TRIASORB™, que protege não só contra os danos dos raios UVA e UVB, como contra os danos da luz azul. A nova fórmula, garantem, não é tóxica para três espécies chave da biodiversidade marinha: o coral, o fitoplâncton e zooplâncton.

Se ainda não escolheu um protetor para garantir que a sua pele se mantém segura durante este verão, conheça 15 protetores solares ecológicos em que pode — e deve — apostar nestas férias.