plástico reciclado

Shopping

Estas marcas fazem roupa (e não só) com plástico reciclado

Seja a marmita para o dia seguinte ou o cadeirão onde se senta ao final do dia de trabalho, ser sustentável custa menos com estas sugestões.

O planeta está cheio de ar poluído, de plástico no mar e à porta das nossas casas, mas também cheio de boas intenções. Algumas delas estão espelhadas em marcas nacionais e internacionais que pegaram no que não devia andar à solta — plástico — para fazer artigos com plástico reciclado. 

Sabemos que o problema não é o plástico em si (usar sacos de papel no supermercado e descartá-los de seguida não vai ajudar), mas sim na forma como o usamos. O ideal é sempre, primeiro, recusar, tal como mandam os cinco “erres” — recusar, reduzir, reutilizar, reciclar e decompor (em inglês, “rot”) — da impulsionadora do desperdício zero Bea Johnson, mas reutilizar e reciclar também vão bem com um mundo mais sustentável. 

É isso que fazem marcas como a portuguesa Lemon Jelly, cujas botas da linha Recycled Lemon ninguém diria que são o resultado da reciclagem do desperdício de produção. O melhor de tudo é que algumas delas estão em saldos, com preços abaixo dos 56€.

Também a C&A já tinha dado da conhecer a sua linha de casacos feitos com mais de quatro milhões de garrafas recicladas, bem como a Benetton, que tem um casaco que é ideal para os dias frios de inverno. Ambos aquecem o corpo e, ao mesmo tempo, protegem o ambiente ao evitar, que sejam emitidos menos gases com efeito de estufa na natureza. 

Já em casa, não só é positivo ter uma horta de produtos sustentáveis que crescem no seu jardim e chegam ao prato sem ter de percorrer quilómetros, como o facto de essa horta ser feita a partir de plástico reciclado. Esta é uma ideia da marca portuguesa Floema, que se dedica a sinalética e equipamentos sustentáveis. 

Na fotogaleria, apresentamos algumas das marcas que fazem roupa (e não só) com plástico reciclado e que são os únicos casos em que pode, e deve, dizer “sim” ao plástico sem culpa.