I Am Isabel Silva

Quando tenho que fazer compras do mês, como é que faço? Vou mostrar-vos aquilo que compro

Gosto de fazer as minhas compras quase diariamente, mas há momentos em que também preciso de ir fazer compras maiores. Saibam o que trago do supermercado e uma das soluções para evitar o incómodo provocado pelo peso.

Falo muitas vezes sobre as minhas compras, aquelas que faço quase todos os dias ou todas as semanas na mercearia do meu bairro, o Alecrim aos Molhos, ou do cabaz que recebo da Quinta do Arneiro que todas as semanas me chega à porta de casa. Eu gosto mesmo de ir às compras, e gosto que isso faça parte da minha rotina. 

Nunca fui muito aquela pessoa de ir às compras uma vez por mês comprar tudo, entendem? Até porque eu gosto muito de comprar frescos, e isso pede que vá às compras, pelo menos, uma a duas vezes por semana. Além disso, gosto de ir às compras assim porque também consigo estar a par das novidades que vão chegando, o que me permite estar mais atenta aos vegetais e frutas da época, que posso escolher com todo o prazer, e também gosto de aproveitar estes momentos para trazer alguma comida do take away da minha mercearia, que é maravilhosa.

No entanto, há certos essenciais que têm de existir sempre na minha despensa, portanto, há sempre um dia do mês em que tenho de ir fazer umas compras maiores. São aqueles essenciais para, quando não conseguimos ir às compras, termos sempre qualquer coisa para desenrascar, sabem? Mulher prevenida, vale por duas. É esse o meu lema. Então, como disse, há sempre aquele dia em que vou fazer umas compras de produtos que sei que me duram, pelo menos, 20 dias ou mais na despensa. 

O que acontece é que, nesses dias, já sei que não vou perder só 15 ou 20 minutos no supermercado, por isso, programo um espaço de tempo só para estar focada nas compras que vou fazer. Nestes dias já sei, à partida, que vou demorar mais tempo a chegar a casa, mas também que venho mais carregada do que o normal. Isso é sempre certo. 

Há um truque que tenho que é fazer sempre uma lista do que preciso. Assim, evito chegar ao supermercado e, não só não perco tanto tempo, como também evito comprar coisas desnecessárias. Para mim, as listas são mesmo fundamentais, nunca me falham. E estas são as coisas que estão quase sempre nas listas que preparo antes de ir às compras. 

A minha lista de compras do mês

Frescos: fruta e legumes

Apesar de comprar semanalmente também faz parte das compras do mês. É sempre mais um peso.

Leguminosas e cereais integrais

Estes produtos duram, por isso compro em maiores quantidades e também porque sei que são das coisas que mais como. Também compro bastante variedade como ervilhas, grão de bico, lentilhas e feijões.

Cereais 

Compro sempre vários, também, como a quinoa, o arroz, o millet ou o trigo sarraceno.

Batata doce e cebolas 

Também fazem parte do grupo das frutas e legumes, mas são dos que compro mensalmente porque me duram muito tempo. Compro em boa dose porque consumo diariamente. 

Mercearias

Bebidas vegetais, água de coco, kombuchas (que vêm em garrafa de vidro, habitualmente), conservas de atum, ovos, proteínas vegetais como tofu e tempeh, azeite, três pacotes de tostas de arroz, café em frasco de vidro e vinagre de arroz.

Higiene

Detergentes da roupa, loiça e multiusos, pasta de dentes, champô e condicionador de cabelo.

Bom, posto isto, vou até ao supermercado e, como já seria de esperar, volto sempre carregada. E porquê? É que além de comprar mais coisas, eu levo sempre os meus sacos de pano e vários tipos de frascos de vidro, que uso para repor coisas como leguminosas, cereais ou frutos secos. Vocês não imaginam a quantidade de frascos que levo comigo cada vez que vou às compras, mas é tudo por uma boa causa. Assim, evito gastar sacos de papel ou de plástico que são de utilização única. 

Além disso, também costumo levar comigo, sempre que preciso, garrafas de vidro que uso para encher os detergentes da roupa, da loiça e até os de limpeza, que o Alecrim vende a granel. É outro peso extra que tenho de carregar até casa, mas está tudo certo. 

A questão é que, como podem imaginar, demoro o meu tempo. Gosto de fazer tudo nas calmas. E, como é obvio, venho sempre com um bom peso para casa, mas já vou preparada para isso mesmo. É que apesar de o Alecrim aos Molhos ser perto de minha casa, a verdade é que ainda tenho de andar uns bons metros até chegar a casa. E, acreditem, com a quantidade de frascos e fresquinhos que levo habitualmente, isto pode ser um desafio. Mas também para isso há que ter alguns truques. 

Nestes dias, assim que chego a casa, pouso e arrumo as minhas compras nos seus respetivos lugares e para ficar tudo ao meu gosto. Depois, se por ventura existir alguma dor ou incómodo a nível muscular, o que não acontece sempre, o que é que eu faço? Coloco um emplastro VoltaTermic. Normalmente onde me costumam dar essas dores é na zona do pescoço, também fruto das más posturas de que já vos falei, lembram-se? Recordem aqui. Quando elas aparecem, é só colocar o emplastro térmico que vai libertando calor até um máximo de oito horas. Depois é só relaxar e esperar até começar a sentir o quentinho que vai atenuando a dor com o passar do tempo, graças à ação do calor. 

Estes são apenas alguns dos truques que quero partilhar convosco de quando faço as minhas compras. 

Artigo escrito em colaboração com Voltatermic, marca GSK CH. #Pub