exercícios para fazer na praia

Exercício

Sem vontade de treinar nas férias? Conheça 6 exercícios para fazer na praia

Fazer surf, jogar raquetes ou simplesmente dar uma caminhada à beira-mar são apenas alguns dos exercícios que pode fazer durante as férias para não parar de treinar.

DOBEM.
leia este artigo em: 8 mins

Desligar o despertador, arrumar o computador do trabalho e esquecer as rotinas. Estes são alguns dos ingredientes essenciais para ter umas férias descansadas. No entanto, se há uma rotina que devemos manter é a do exercício físico. Seja a andar de bicicleta até à praia, fazer surf ou aproveitar o bom tempo para jogar raquetes, pode, e deve, fazer exercícios durante as férias, e estes seis são ideais para fazer na praia.

Manter a disciplina é essencial para nos mantermos motivados e focados nos nossos objetivos. E embora com a chegada do calor a vontade seja de ir logo à praia ou à piscina, não deve deixar o exercício físico de lado. Isto porque, se está habituado a treinar regularmente e deixa de o fazer nas férias, arrisca-se a quebrar a rotina, a ficar desmotivado e, ainda, a perder resistência e massa muscular, que pode demorar meses a ganhar, mas apenas alguns dias a perder.

É com isso em mente que, mesmo que a motivação seja pouca, devemos tirar pelo menos dez minutos do dia para fazer treinos curtos durante as férias. Quanto a horários, o ideal será fazê-lo logo de manhã, nas horas de menos calor. Se fizer desporto bem cedo vai poder aproveitar o resto do dia para desfrutar do descanso merecido das férias. “Se estiver de férias, numa casa ou hotel, antes de ir para a praia, tire dez minutos e depois siga para o dia. Nem precisa de ser diário, mas treinar logo pela manhã antes da praia ou piscina, é uma ótima forma de garantir que fez o treino, porque ao deixá-lo para o fim do dia, não o vai fazer”, explica a personal trainer Raquel Antunes.

Agora que percebemos que é fundamental treinar para se manter motivado, passemos a outro ponto essencial: a água. Independentemente do tipo e duração do treino, deve sempre levar água consigo para se manter hidratado, desta forma vai ser capaz de cumprir todas as suas funções vitais de uma forma saudável. Não esquecendo que, estando exposto ao sol, a probabilidade de se desidratar e apanhar um escaldão é maior.

E por falar em escaldões, para os evitar deve colocar sempre um protetor solar antes de treinar ao ar livre. Isto é válido quer seja durante o inverno ou verão mas, durante os meses mais quentes, o mais provável é que transpire mais, o que significa que deve voltar a aplicar o protetor a cada hora para manter a pele protegida. O protetor deve ser aplicado nas zonas do corpo que estiverem expostas e também no rosto.

Se está de férias e não sabe exatamente que exercícios fazer, temos seis opções de treinos que pode fazer na praia ou, se preferir, perto da piscina. No final tem a vantagem de poder dar um mergulho para se refrescar e ajudar a relaxar os músculos depois do treino intenso. Tome nota dos exercícios.

Correr ou caminhar

Uma caminhada na areia pode ajudar a libertar o stresse e até a recuperar de lesões, tal como explica a PT Raquel Antunes. Além disso, pode ser uma boa forma de fazer exercício físico na praia. Por outro lado, pode optar por correr, embora este treino vá ser muito mais desafiante do que num piso plano devido à instabilidade, especialmente se o fizer em areia solta.

“A areia solta, principalmente, é muito mais instável e até pode ser um pouco perigosa para quem não está habituado”, explica a PT. Esta instabilidade vai obrigar o corpo a fazer um trabalho de propriocepção, ou seja, habituar-se à instabilidade, o que acaba por ser benéfico para quem está a tentar fortalecer as articulações.

Subir escadas

Se está habituado a descê-las para ir apanhar sol, porque não fazer o mesmo para transpirar um pouco? Se quer fazer um exercício de cardio nada melhor do que subir e descer escadas. Se preferir aumentar a dificuldade do exercício, suba e desça sempre com os dois pés juntos. Faça intervalos consoante o que precisar.

Andar de patins

Se está com dúvidas em relação a este exercício, não se preocupe que a explicação é lógica. Não é qualquer pessoa que tem um par de patins em casa, mas, se os tiver, opte por dar uma volta com eles nos pés.

“Uma hora de patinagem sobre rodas é um treino de corpo inteiro que equivale — para o coração e pulmões — a um treino de cardio. É, também, um bom treino de força para os glúteos, isquiotibiais e quadríceps”, explica Earl Watson, diretor da empresa de triatlo Ironman, citado pela revista “Bustle”.

Flexões e agachamentos

Caminhadas? Tudo certo. E agachamentos e flexões? Exercícios que parecem simples, mas que, quando feitos na areia, são mais complicados. Experimente fazer três ou quatro séries de dez exercícios cada e, depois, aproveite o mar para se refrescar.

Ioga

Fazer ioga pode ser uma boa opção tanto no início como no final do dia mas, ao fazer certos exercícios na areia, poderá ter de fazer mais força. Isto leva a que acabe por trabalhar alguns músculos com mais intensidade, precisamente por a areia ser instável, especialmente se estiver seca.

Outra das vantagens de praticar ioga na praia é que o som das ondas do mar pode ser uma grande ajuda para se abstrair e conseguir meditar durante o treino.

Jogar raquetes

O objetivo deste jogo não podia ser mais óbvio: acertar com a raquete na bola e atirá-la de volta ao parceiro de jogo. Mas, para isso, há que correr, eventualmente fazer agachamentos, exercitar os braços e até dar alguns saltos, o que significa que vai estar a treinar vários músculos do corpo enquanto estiver a jogar.