Alimentação

Restaurantes vegan em Lisboa unem-se para oferecer taxa de entrega durante o confinamento

O Botanista, The Green Affair, Plant Base, Vegan Junkies e até Vegan Nata — da entrada à sobremesa, só paga o que come em mês de Veganuary.

DOBEM.
leia este artigo em: 5 mins

Voltar a casa e ao confinamento significa que passámos a ter mais tempo para explorar aquelas receitas que nunca tínhamos possibilidade de preparar. Mas ao fim de um dia de teletrabalho, muitas vezes com miúdos em casa, falta a vontade de passar horas entre os tachos e ter pilhas de loiça para lavar no final. A solução: pedir alguma coisa para comer em casa. E é aqui que entra a Lisboa Vegana, uma iniciativa desenvolvida por vários restaurantes vegan em Lisboa.

O projeto surge com o objetivo de levar mais pratos vegan de vários restaurantes da cidade a casa das pessoas de maneira a consciencializar os lisboetas a fazerem melhores escolhas na sua alimentação e a conhecerem outro tipo de gastronomia. Vão ser criadas várias campanhas ao longo dos próximos meses, que funcionam também como uma forma de apoiar os restaurantes na fase desafiante pela qual estão a passar.

Uma das pessoas que faz parte do projeto é Henrique Costa Pereira, responsável pelos restaurantes The Green Affair. “Fui convidado pela Mafalda Sampaio, da loja Pistácio, porque estava a querer juntar algumas pessoas do negócio vegan da cidade”, conta à dobem.

Como qualquer projeto construído nos dias de hoje, também a Lisboa Vegana surgiu através de reuniões de Zoom. Foi numa dessas conversas que surgiu a primeira ideia: a iniciativa iria aliar-se ao movimento Veganuary e ao Desafio Vegetariano Português, que desafia pessoas um pouco por todo o mundo a adotarem uma alimentação livre de ingredientes de origem animal e um estilo de vida mais eco friendly.

“Aproveitámos a Uber Eats, que chega a muito mais pessoas, e a ideia é sair da bolha do mercado vegan e atrair o máximo de pessoas para este movimento”, explica Henrique.

A primeira iniciativa foi lançada esta terça-feira, 19 de janeiro, e vai durar até ao final do mês de janeiro. Durante estes dias, vai ser possível encomendar pratos de vários restaurantes vegan em Lisboa através da Uber Eats sem ter de suportar o custo da taxa de entrega. Para conseguir aceder à oferta, só precisa de fazer encomendas num valor superior a 15€, e colocar o código promocional lisboavegana no final do pedido.

Ao26 – Vegan Food Project, The Green Affair, O Botanista, Plant Base, Vegan Home Chef Natascha, Kong-Food, Mother.Burger, Vegan Nata e Vegan Junkies. São estes os restaurantes que se aliaram ao movimento e de onde pode encomendar os seus pratos sem pagar qualquer taxa de entrega, num movimento onde as barreiras da concorrências foram, tal como diz Henrique Costa Pereira, completamente quebradas.

“O que é engraçado é que somos supostamente concorrentes e estamos a trabalhar juntos”, revela o responsável pelo The Green Affair, acrescentado que na base está o conceito que todos os projetos partilham: o veganismo. “Admiramos, respeitamos, e queremos que tudo corra bem para todos.”

Alinhado com a mesma ideia, o restaurante Ao26 – Vegan Food Project divulgou o projeto no Instagram, demonstrando que aqui não há mesmo concorrência. “Continuaremos sempre a lutar e a defender o que acreditamos, agora unidos a parceiros que partilham os mesmos princípios que nós”, escreveram no Instagram.

Está assim lançado o mote para dar início a várias iniciativas ligadas ao veganismo, que deverão ser divulgadas durante os próximos meses. “Para fevereiro, já temos várias coisas planeadas”, adianta Henrique.