bebidas vegetais

Alimentação

Ranking. Estas são as 13 melhores e piores bebidas vegetais que encontra nos supermercados

As bebidas com açúcares adicionados e aromas são de evitar, assim como as que contém óleo na sua composição. Mas há opções saudáveis.

As bebidas vegetais têm-se tornado cada vez mais numa opção para quem quer reduzir o consumo de leite de origem animal. Importa dizer que não são, de todo, a mesma coisa que o leite de vaca, mas para preparar bolos e panquecas ou uma meia de leite vegetal são uma boa opção, mas há que saber escolher exatamente qual a bebida que deve consumir. 

Basta olhar com atenção para os rótulos de algumas das bebidas vegetais à venda nas grandes superfícies para perceber que são muito diferentes das receitas para preparar em casa. É que as bebidas de casa levam, geralmente, dois a três ingredientes. Já as de supermercado têm uma lista com um número sem fim de substâncias que nem sempre reconhecemos. 

Entre todas elas, há uma que certamente todos somos capazes de reconhecer: o açúcar. É que grande parte das bebidas que compramos nos supermercados contém açúcar na sua composição. Além disso, e sendo uma opção cada vez mais procurada, as marcas apostam também em opções que vão mais ao encontro das preferências dos consumidores. O que não quer dizer que sejam a opção mais saudável. 

Aromas de baunilha ou sabor a chocolate são, sem dúvida, bebidas que deve deixar sossegadas na prateleira do supermercado. Quem o diz é a nutricionista Débora Pita. “As piores bebidas que podemos encontrar no mercado são sem dúvida as que contêm aromas ou açúcares adicionados”, explica a especialista. 

O ideal será sempre procurar bebidas vegetais sem açúcares adicionados mas, mesmo assim, há que prestar atenção aos rótulos. É que apesar de não terem açúcar, estas bebidas podem conter alguns adoçantes na sua composição que podem ser tão maus ou piores para a saúde do que o próprio açúcar. Além disso, como referência, deve tentar sempre perceber na tabela nutricional se a bebida vegetal que vai comprar tem menos de 5 gramas de açúcar por cada 100 mililitros.

Outra coisa a que deve estar prestar atenção no rótulo é à presença de óleos na composição das bebidas vegetais. O óleo de girassol é dos que está mais presentes nestas bebidas e, apesar de não ser em grande quantidade, não deixa de ser uma gordura e, por isso, deve ser evitado. A bebida vegetal ideal deve conter o mínimo de ingredientes possível e, de preferência, apenas água, o fruto seco, a soja ou aveia, e, no limite, algum sal. 

Se ainda não sabe ao certo qual a melhor bebida vegetal que pode encontrar no supermercado, na fotogaleria mostramos-lhe quais as melhores e piores opções à venda, segundo as recomendações da nutricionista Débora Pita.