Alimentação

25 nutricionistas, 25 receitas saudáveis. Ainda acha que vai engordar este Natal?

Este Natal poder comer rabanadas, sonhos ou bombons sem culpa. Basta pôr em prática as sugestões saudáveis destes nutricionistas.

Quando chegar o fim das festas, certamente que este ano terá menos umas gramas do que habitualmente, uma vez que não há jantares de Natal de empresa, de amigas, de colegas de faculdade, de mil e um pretextos. A juntar a isto, este Natal só pode ser saudável, porque com a ajuda de 25 nutricionistas, não faltam opções de doces e de outras receitas saudáveis.

É que as bolachas de gengibre, em vez de açúcar, são adoçadas com tâmaras, os bombons de Natal têm a fama, mas também o proveito do sabor do coco ralado ou do cacau que provam que não é preciso colocar doses industriais de chocolate e manteiga. Até as rabanadas (ou fatias douradas) dispensam o óleo para fritar, porque basta ter uma boa frigideira antiaderente.

Mas será que podemos dizer que todas as receitas são mesmo saudáveis? “Sim, são elaboradas com ingredientes saudáveis e o valor calórico das receitas é inferior ao das receitas tradicionais de Natal”, explica à dobem. Sofia Teixeira, uma das responsáveis pelo desafio #25receitasdenatal, lançado no Instagram.

Como surgiu a ideia de criar estas receitas saudáveis?

Além de Sofia, também as nutricionistas Lia Faria e Dinora Bastos contribuíram para a criação da ideia e as três decidiram chamar mais colegas de profissão.

“A ideia surgiu do facto de, no mês anterior, termos criado o desafio dos pequenos-almoços saudáveis, em que estavam incluídos 14 nutricionistas e houve bastante adesão. Como o mês seguinte era dezembro, decidimos criar este novo desafio de modo a estimular os nossos seguidores a optar por receitas menos calóricas durante o mês natalício”, refere Sofia. O entusiamo foi tanto, que juntaram tantos nutricionistas, quanto receitas.

Da equipa de 25 fazem então parte: Sofia Teixeira, Lia Faria, Dinora Bastos, Maria Canha, Helga Teixeira, Inês Panão, Sara Venâncio, Rita Pereira, Inês Moreira, Isabel Pedroso Silva, Tânia Tinoco, Joana Santos, Rita Lopes, Ricardo de Castro, Diana Amara Carneiro, Francisca Oliveira, Mariana Briote, Luisa de Castro, Mariana Fernandes, Ana Correia, Lillian Barros, Ana Fernandes, Leonor Costa, Maria Antunes e Marta Magriço.

Ufa, depois de ler toda esta lista já está a precisar de um doce de Natal, certo?

Rabanadas e bilharacos para comer todo o ano

A hashtag #25receitasdenatal funciona, no fundo, como um calendário do advento, já que até ao Natal, 25 de dezembro, há uma receita nova para descobrir a cada dia que passa.

Contudo, este calendário “é diferente do típico calendário de advento por várias razões”, diz-nos a nutricionista Inês Panão.

“Primeiro é mais saudável, e sendo feito por nutricionistas não poderia ser de outra forma. Para além disso, é uma forma de incentivar as pessoas a comerem de forma mais equilibrada e também a experimentarem ingredientes e receitas novas“, explica, acrescentando que as receitas saudáveis podem ficar guardadas para fazer no futuro.

Isto porque, pode, por exemplo, comer umas rabanadas ao pequeno-almoço em fevereiro e uns bilharacos (ou sonhos) ao lanche em junho — o Natal é quando nós quisermos e quando a gula tiver saudades do espírito, os danos são menores na balança.

As sugestões destes 25 nutricionistas vão desde as entradas e pratos, aos doces típicos de Natal. “A maioria são doces e sobremesas, a grande gula desta época festiva”, diz a nutricionista Inês, que revela à dobem. que ainda está para vir um bolo de chocolate, como é óbvio, saudável.